Wikia

One Piece Wiki

Issho

Redireccionado de Fujitora

2 204páginas
nesta wikia
Comentários14

Issho, mais conhecido por seu apelido, Fujitora, é um dos Almirantes da Marinha.

Ele foi mencionado pela primeira vez por Sakazuki quando o Almirante da Frota estava discutindo planos para lidar com Luffy e Law. Devido a sua missão e ações ele pode ser considerado como o Antagonista secundário do Arco Dressrosa.

Aparência

Issho é um homem cego com apenas o branco de seus olhos aparecendo. Ele tem uma cicatriz em forma de cruz no lado esquerdo da testa, que se estende por ambos os olhos. Ele tem cabelo curto preto, um bigode e uma barba. Ele parece ser muito alto, uma característica compartilhada com outros almirantes.

Ele usa um casaco da Marinha por cima de uma capa roxa e uma kimono roxo-claro, que é segurado por um cinto roxo-escuro, combinando com as cores em seu nome. Issho empunha uma shikomizue (uma bengala japonesa) que funciona como uma bengala para sua cegueira e usa sandálias geta.

Galeria

Fujitora.png
Esquema de cores de Fujitora no Mangá
Fujitora2.png
Aparência de corpo inteiro de Fujitora
Fujitora3.png
Fujitora em One Piece: Super Grand Battle! X.
Fujitora4.png
Fujitora em One Piece: Pirate Warriors 3.

Personalidade

"Antes de se contar o número de inimigos deve-se contar o número de pessoas que necessitam de proteção."
— Comentário de Fujitora sobre sua cegueira


Issho parece ser um homem razoável, que confia muito nas pessoas, como percebeu-se quando ele acreditava que continuava a perder na roleta puramente por acaso. No momento em que foi informado de que ele estava sendo enganado e que os vigaristas tentaram matar Luffy por contar a verdade ele retaliou sem piedade. Acreditava que ser cego lhe poupou de olhar para a corrupção no mundo.

Ele também é responsável sobre os danos colaterais que ele inflige, como quando ele causou uma enorme cratera ao atacar os vigaristas,ele imediatamente compensou o dono da loja pelos danos.Ele parece seguir seus próprios ideais, em vez de aderir à doutrina dos fuzileiros navais da Justiça Absoluta. No entanto, ele ainda segue a lei, já que ele escolheu poupar Caesar Clown  simplesmente por trabalhar para Donquixote Doflamingo. Embora ele possa entender que Doflamingo poderia até ser um de seus desejos de investigação mais profunda, se não fosse as barreiras da lei e da falta de evidência sólida.

Issho laughing.png

Issho ri de comportamento absurdo de Luffy em batalha.

Ele é bastante modesto , como ele quase não comentou as declarações Doflamingo e a Marinha feitas sobre sua reputação formidável e exibição de poder , respectivamente.

Durante a primeira vez que ele foi visto em uma batalha, Issho mostrou-se disposto a usar a força excessiva quando ele derrubou um meteoro para atacar tanto a Marinha e Doflamingo . Doflamingo ainda comentou que ele não segurar.

Ele exibe a preocupação com a segurança dos civis inocentes mais do que seu desejo de prender e punir os criminosos.

Apesar de sua personalidade responsável,ele parece gostar de jogos de azar e não é totalmente sério em suas funções.exemplo disso é o fato de ele ter jogado roleta mesmo quando ele deveria apreender Luffy e Law.

Outra característica exibida por Issho é a sua capacidade de manter a calma. Mesmo quando um de seus meteoritos foi arremessado de volta ao seu navio ele estava comendo um prato de macarrão, agindo como se nada estivesse acontecendo, enquanto sua tripulação estava em pânico.

Relações

Marinheiros

Como um almirante da Marinha. Fujitora é respeitado dentro da organização.

Ele parece ser confiável pelo almirante da frota Sakazuki, que o enviou para lidar com o Chapéu de Palha "e Piratas do coração 'aliados, com os dois capitães dos grupos sendo um pirata notório e um Shichibukai respectivamente. Sakazuki sequer pediu desculpas para Fujitora quando ele informou-o sobre a falsa renúncia aos Shichibukai de Donquixote Doflamingo. No entanto Sakazuki ficou furioso quando Issho admitiu que o Chapéu de Palha derrotaram Doflamingo e pediu desculpas de joelhos em nome dos fuzileiros navais em plena vista do mundo. Ele exigiu que Issho faça o seu trabalho em matar Luffy e Law, ameaçando para se certificar de nenhuma base de marinha irá levá-lo até que a tarefa fosse feita. Issho, que estava enojado com as ações dos fuzileiros até agora - incluindo mas não limitado a tentativa do Governo Mundial de dar crédito para os fuzileiros navais para a derrota de Crocodile e fechar os olhos para as ações de Doflamingo em Dressrosa, disse Sakazuki que ele teve a honra de cumprir suas ordens.

Issho também parece estar perto de Smoker, que também acreditava que o sistema Shichibukai deve ser abolido. Smoker e Tashigi elogiaram Issho por não permitir que o incidente em Dressrosa fosse mascarado, assim como em Alabasta.

Governo Mundial

Apesar de ser tecnicamente um aliado do governo, Issho despreza o Governo Mundial e suas ações. Isto foi feito evidente durante o jogo ''Birdcage''. de Doflamingo, Issho observou como o governo continua a ignorar os gritos dos cidadãos quando eles estão realmente em apuros e que se ele, um almirante marinha, prendesse Doflamingo, então o governo poderia cobrir o acontecimento como fizeram em Alabasta . Não querendo os para encobri-lo como antes, Issho humilhado pelo governo por curvar-se diante de Riku Dold III e que deu um pedido de desculpas em nome do governo. Esta ação enfureceu totalmente o Gorosei e o Almirante da Frota Sakazuki e colocou o título do último como Almirante em risco.

Shichibukai

Fujitora revogou o status de Shichibukai de Trafalgar Law quando o mesmo declarou uma aliança entre ele e os Chapéu de Palha. Em seguida, ele cooperou com Donquixote Doflamingo para tentar derrotá-lo. Mesmo que ele entendeu claramente que Doflamingo estava tramando algo, ele seguiu Law como ele não tinha mais uma prova. Doflamingo chegou a Green Bit, ao lado do Almirante Fujitora e seu batalhão de soldados da Marinha. Na frente dos fuzileiros, Doflamingo imediatamente declarou César como seu subordinado, elaborando, assim, o cientista desonesto em sua tripulação, enquanto perdoa-lo por seus crimes.

Tendo aliado-se com Doflamingo, Fujitora passou a atacar Law e os Chapéu de Palha. Fujitora exibiu grande desgosto em trabalhar em conjunto com Doflamingo. Ao ajudar Doflamingo a lutar contra Law, Fujitora propositalmente tentou prejudicá-lo no processo. Doflamingo mostra muito pouco respeito com o alto status e ranking de Fujitora, e gosta de ser capaz de manipulá-lo por tanto tempo quanto for possível.

No entanto, Fujitora revelou que ele não gosta do sistema Shichibukai e planeja acabar com ele, apesar de estar dispostos a ajudar Doflamingo na defesa de Dressrosa para o momento uma vez que a segurança do país era uma prioridade. No entanto, como Dressora desceu em uma espontânea guerra civil, Issho sentiu a "raiva" nos cidadãos revoltados e questionou por que ele e o Governo Mundial tenham permitido essa corrupção e terror a existir sob o reinado de Doflamingo, especialmente como Doflamingo começa a massacrar os cidadãos com seu ataque Birdcage.

Inimigos

Piratas

Como um fuzileiro naval, ele vê piratas como inimigos, embora ele é mais flexível do que a maioria dos fuzileiros navais e é capaz de olhar por eles e ver as suas boas qualidades. Ele estava disposto a reconhecer o caráter de Luffy por sua ajuda com os vigaristas, e sentiu-se obrigado a lutar com ele porque ele considerou "morder a mão que o alimenta". No entanto, ele coloca a segurança acima dos piratas. Quando percebeu que estava sendo enganado por alguns dos subalternos de Doflamingo, ele rapidamente tomou conta deles.

Revolucionários

Devido a ser um oficial na Marinha, ele é um inimigo do Exército Revolucionário. Como tal, ele e seu batalhão enganaram Sabo para capturar Luffy. Ele, pessoalmente, entrou em confronto com o segundo em comando do Exército Revolucionário. Apesar desta oposição, ele confessa a Sabo que não é possível para os fuzileiros navais parar Doflamingo e deixa a derrota do Demônio Celestial para os piratas.

Habilidades e Competências

Como um almirante, Fujitora tem comando sobre os muitos milhares de soldados de classificação inferior à dele, seu status de ser o segundo mais alto dentro de toda a organização Marinha, logo abaixo do Almirante da Frota Sakazuki. Ele também tem o poder de iniciar um Buster Call em qualquer ilha que ele considera ser uma ameaça, bem como a concessão agentes do Governo de Ranking Mundial inferior tal privilégio. Como um almirante, ele tem autoridade para revogar um título de Shichibukai.

Em termos de força de combate, Fujitora é considerado um dos indivíduos mais fortes dentro da estrutura de governo do mundo inteiro, como um almirante é considerado o "maior potência militar". Fujitora é, pelo menos, forte o suficiente para ter a confiança de Sakazuki em poder lidar com ambos Monkey D. Luffy, um pirata notório, e Trafalgar Law, um ladino Shichibukai.

Apesar de ser cego, Fujitora provou ser capaz de lidar com o próprio extremamente bem na batalha, enquanto ele ainda era capaz de cronometrar perfeitamente a sua defesa contra o meteoro ele convocou e desviar sem nenhum problema. De acordo com Doflamingo, Fujitora e Ryokugyu são duas bestas muito formidáveis ​​e veneráveis ​​dentro da Marinha. Sua força também era admirada por Monkey D. Luffy, quando este viu sua luta contra os capangas de Doflamingo. Quando Doflamingo tentou atacar ele, ele mostrou absolutamente nenhuma preocupação e facilmente bloqueou seu ataque. Um testamento para suas habilidades de luta era que ele era capaz de lutar contra Sabo, o segundo chefe do Estado Maior do Exército Revolucionário a um impasse e sair sem um arranhão nele. Este é um feito notável dado o seu oponente adquiriu recentemente uma classe de Akuma Logia antes de sua luta.

Fujitora também é mostrado para ser muito bom em jogos de azar, tendo vencido em muitos jogos de roleta antes de os proprietários começarem a enganá-lo para tirar seu dinheiro. Na roleta, ele parece estar contando com sua audição afiada e senso de gravidade para prever o resultado. A única razão pela qual ele estava perdendo era porque ele estava sendo enganado por prostitutas que estavam tomando vantagem de sua cegueira.

Habilidades Físicas

Fujitora é incrivelmente resistente, tendo tomado um soco com Haki-imbuído e Gear Third direto no rosto apenas ganhando uma pequena contusão.

No anime, ele tem grandes reflexos e durabilidade, como ele foi capaz de travar e parar seqüência Parasite de Doflamingo antes que ele pudesse alcançá-lo enquanto casualmente sentado, sem ficar ferido.

Akuma no Mi

Quando cobrou retribuição dos bandidos de Doflamingo que estavam traindo ele por causa de sua cegueira, ele
Fujitora's Meteorite.png

Fujitora usa seu poder para fazer descer um meteorito.

usou um desconhecido poder de Akuma. Que lhe concede a habilidade de manipular a gravidade em torno de um local escolhido à vontade através do envio de forças gravitacionais. Ele começou a usar esse poder para criar uma força gravitacional de tal intensidade que causou os vigaristas a serem pressionados fortemente contra o chão, que cedeu para criar um buraco gigantesco como resultado. Mais tarde, ele usou imensas quantidades de gravidade para realizar outros feitos, como a convocação de um meteoro a cair do céu. Após a batalha contra Law com Doflamingo, ele usou seu poder para aumentar a gravidade em um ponto de fixar Law para o chão e imobilizá-lo.

Ele também pode inverter a gravidade para criar uma barreira circular em torno dele que repele ataques. Como prova de seu poder, ele afirmou que o meteoro que ele fez descer era apenas para testar sua força. Isto foi provado ainda muito mais tarde, quando ele foi mostrado capaz de levitar todo o entulho em toda a ilha de Dressrosa. Ele geralmente utiliza sua espada, a fim de criar as forças gravitacionais. Ele também é capaz de usar seus poderes para levitar e mover materiais, tais como um navio de guerra ou uma rocha, semelhante ao de Shiki a Fuwa Fuwa no Mi, e usar a pedra como uma plataforma para se sustentar a levitar; embora, ao contrário do poder de Shiki, Fujitora é não é dificultado pela necessidade de ter que tocar o alvo de antemão, e ele pode afetar tanto a objetos inanimados como os de vida.

Ataques

  • Gravito (重力刀(ぐらびとう) Gurabitō): técnica de assinatura de Fujitora. Fujitora pode manipular as forças gravitacionais, canalizando a capacidade da sua Akuma através de sua espada. Ele pode enviar as forças gravitacionais balançando ou simplesmente movendo sua espada. A direção das forças gravitacionais pode ser para cima, para baixo ou para os lados. Ele tem sido mostrado para utilizar apenas uma de cada vez, até agora. Foi usado pela primeira vez contra os bandidos dos piratas Donquixote manipulando forças gravitacionais para baixo. No entanto, esta técnica não foi nomeada até sua luta contra Sabo.
    • Moko (猛虎, Moko, Que significa literalmente "Tigre Feroz"): Fujitora gera níveis imensos de forças gravitacionais em torno dele que empurram para longe horizontalmente, e afastam qualquer coisa, incluindo seus inimigos, edifícios, árvores e tudo o mais que é alcançável o suficiente para estar no raio de ataque. A força é tão forte que facilmente destrói o solo e edifícios, reduzindo-os a escombros. Enquanto estiver usando esta técnica, a força gravitional gera relâmpagos pretos ao redor de Fujitora. O nome dessa técnica é uma referência ao apelido de Issho, ''Fujitora''. Foi usado pela primeira vez contra Sabo em Dressrosa.

Haki

para outras informações veja o artigo principal : Haki

Afirmou-se que todos os fuzileiros altamente classificados Vice-almirante ou superior possuem Haki, assim Fujitora também pode usar a habilidade.

Fujitora foi capaz de colidir cabeça fisicamente com Sabo, que usa uma Akuma de classe Logia, o que implica que ele estava usando Busoshoku Haki durante a batalha. Mais tarde, ele provou que ele é capaz de usá-lo quando ele fez isso para reforçar a sua espada em a fim de estancar o Birdcage

Armas

Enquanto outros almirantes foram mostrados em confiar principalmente em suas habilidades de Akuma no campo de batalha, Fujitora empunha uma shikomizue (a espada de cana) em conjunto com sua habilidade Akuma. A conexão entre esses dois fatores ainda tem de ser explicado, embora pareça ele canaliza seu poder através da espada, como mostrado quando ele apontou a lâmina em Trafalgar Law para criar um campo de gravitação de fixar para baixo o jovem pirata e fazer uma rocha a desmoronar.

Até agora, Fujitora foi visto empunhando sua espada no estilo reverso-aperto, com a lâmina apontando na direção oposta de seu polegar. Seja ou não este modo de segurar a espada envolve sua técnica em geral ou apenas o uso de sua capacidade continua a ser visto. No entanto, é interessante notar que sempre que sua misteriosa habilidade é usada, sua espada está desembainhada. Seu nível de esgrima é ainda desconhecido.

Devido a sua cegueira, Fujitora usa sua espada como um bastão fora da batalha para verificar o seu entorno como ele anda. Apesar disso, sua cegueira não parece impedir-lo na batalha.

Historia

Passado

Não se sabe muito sobre seu passado, mas em algum momento durante os dois anos em que os chapéus de palha foram separados, ele foi promovido ao posto de almirante no Projeto Mundial Militar. Ele se juntou aos fuzileiros, porque ele queria muitas coisas que vêm à fruição, um dos quais é acabar com o sistema de Shichibukai.

Arco Dressrosa

Fujitora foi despachado até Dressrosa pelo Almirante Sakazuki para lidar com Luffy e Law.

Ele foi visto pela primeira vez em um restaurante em Acacia, jogando com alguns dos homens de Doflamingo que foram batota.Luffy chamado blefe dos bandidos e ajudou Issho . Depois de dar o seu agradecimento ao Luffy, ele desembainhou a espada de sua bengala. Como os bandidos foram esmagados e caiu em um buraco no chão , ele disse que não ser capaz de ver sujeira do mundo poderia ser considerado uma vantagem de ser cego.Todo mundo ficou maravilhado depois de sua exibição de poder , a tripulação especulado que ele deve definitivamente ter alguma habilidade Akuma e Luffy perguntou imediatamente outright exatamente quem ele era. Issho riu e afirmou que pelo bem de ambos seria imprudente para revelar quem ele é. Quando ele saiu , ele deu o barman um pedaço de papel e disse-lhe para encaminhar todas as reivindicações de danos para o endereço do mesmo.

Mais tarde ele foi visto como um espectador na Corrida Coliseu.Ele foi aparentemente scouting para fora todos os grandes nomes que competem no torneio mensal , e disse a seus subordinados que eles deveriam sair. Ele pediu três navios de guerra e um grande número de agentes de saúde e disse que ele iria para o Bit Verde em primeiro lugar. Então , ele pediu a seu subordinado sobre o número de espectadores , bem como as populações da cidade e do país. Quando perguntado por que seu subordinado que era necessário , ele respondeu que, antes de contar o número de inimigos que deve contar o número de pessoas que necessitam de proteção.Em Green Bit, Fujitora foi visto levando seus homens para a praia do sul onde a Law e César estavam presentes.No caminho,ele foi contatado por Sakazuki , que o informou que a renúncia de Doflamingo foi um relatório falso . Issho e seus subordinados chegaram ao local da troca , ao mesmo tempo que Doflamingo.
Fujitora Leaves Footholds Standing.png

Fugitora vs Law vs Doflamingo

Enquanto a Law e Doflamingo trocavam palavras, por exemplo, como as negociações estavam fora , Issho observou presença de César. Ao ver Issho , Doflamingo comentou sobre como ele e Ryokugyu são bestas em termos de poder. Issho explicou que ele está ciente de que Doflamingo não estava seguindo as regras como um Shichibukai e que ele percebeu que César referido Doflamingo como Coringa. Doflamingo simplesmente respondeu que se o almirante quer investigá-lo , ele é melhor estar preparado para fazer backup de suas reivindicações. Issho então voltou sua atenção para a Law e afirmou que a Law seria perdoado se os chapéus de palha eram seus subordinados. Após a Law declarou que ele e Luffy são,de fato , em uma aliança, Issho tirou título Shichibukai da Law e usou sua habilidade gravidade para derrubar um meteoro . Antes do meteoro impactado , Issho , Doflamingo,ea Law usaram suas habilidades para reduzir o meteoro em pedaços. Depois de sair ileso,Issho,Doflamingo,e Law se enfrentaram em uma de três vias confronto.

Fujitora Floating a Battleship.png

Fujitora e sua equipe buscando o Thousand Sunny.

À medida que a luta continuou , Issho continuou desencadeando ataques devastadores.Uma vez que Law foi esmagada , Issho então foi visto sentado ao lado de seu corpo ferido, segurando-o com a sua capacidade de gravidade, como Doflamingo explicou a história da Família Donquixote.

Issho comentou mais tarde que ouviu um raio na distância muito a confusão de Doflamingo como o tempo parecia bem. Law percebeu que o grupo de Nami se aproxima Bit Verde e disse Doflamingo que ele nunca disse que o coração que ele estava segurando pertencia a César. Doflamingo apertou o coração para descobrir e Issho foi então distraído por um grito de Marinha . Law rapidamente usou esta oportunidade para escapar usando quarto . Issho calmamente sentou-se ainda como Law agarrou César e fugiu com Doflamingo em perseguição dele.


Mais tarde, ele enviou um navio da Marinha voando para o Thousand Sunny ao atacar navio dos Chapéus de Palha com meteoros.Law redirecionando um dos meteoros para o navio da Marinha , causando dano significativo para ele. Como um fuzileiro naval relata o dano , Issho casualmente comentou sobre o seu próprio erro de cálculo ao comer uma tigela de macarrão . Para a surpresa de seus homens , Issho ordenou-lhes para voltar para Dressrosa , meditando sobre como as marés viraram.

Zoro vs. Fujitora.png

Fujitora intercepta o ataque de Zoro contra Doflamingo.

Quando a Marinha diz Issho que uma luta apenas começou no meio da cidade, Issho , com um olhar preocupado em seu rosto, diz a seus homens que se apressar.

Doflamingo and Fujitora Capture Law.png

Doflamingo e Fujitora capturando Law.

Fujitora chegou ao local a tempo de bloquear o balanço de Zoro em Doflamingo. Ele então usou sua habilidade para empurrar Zoro para o subterrâneo, mas o espadachim enviou uma barra voando para o almirante, que repeliu com pouco esforço. Com Law estando inconsciente no reboque, Fujitora e Doflamingo viram a cabeça para o palácio, onde o almirante e o Shichibukai teriam a chance de terminar a conversa.

Enquanto Franky tentou romper a casa de brinquedo, Fujitora ouviu o barulho através de um Den Den Mushi. Doflamingo, em seguida, perguntou ao almirante se os Fuzileiros Navais deve fazer algo sobre os Chapéus de palha.

Quando os fuzileiros navais fazem um movimento para prender Franky na casa de brinquedo, Doflamingo agradeceu Fujitora. Doflamingo lhe disse que ele fez uma escolha sábia, mas o Almirante respondeu que ele não deve ser confundido como um aliado. Fujitora afirmou que, se Luffy decidiu lutar com ele, não haveria muita destruição e proteger os cidadãos de que a destruição foi sua "Justiça" e que era o que ele tinha utilizado os fuzileiros navais para. Quanto Doflamingo, ele iria lidar com ele mais tarde. Fujitora disse que ele aceitou o cargo de Almirante porque não tinha havido certas coisas que ele queria fazer, e uma dessas coisas foi a abolição total do sistema Shichibukai. Ele também mencionou sobre um país onde os piratas ameaçaram seqüestrar o trono real e comentou que se a tentativa for bem-sucedida, ele se tornaria tão vil como Dressrosa.

Doflamingo em seguida, tentou chutá-lo. Fujitora bloqueou o ataque com facilidade e continuou dizendo que o equilíbrio das Três Grandes Potências seria abalado e se Doflamingo continuasse a cometer crimes, a recompensa por sua cabeça iria aumentar depois que o sistema de Shichibukai for abolido. Depois de descobrir suas verdadeiras intenções, Doflamingo assumiu que Fujitora estava indo para matá-lo, mas o almirante disse que eles deveriam continuar a ser aliados para o momento. A partir daí, ele iria proteger Dressrosa e ignorar todas as suas práticas ilícitas.

Fujitora foi visto mais tarde com Bastille quando todos os brinquedos transformado novamente em suas formas originais, causando um pânico generalizado. Mais tarde, ele assistiu quando Doflamingo prendeu Dressrosa em sua "Birdcage" e forçou as pessoas aleatórias para atacar uns aos outros.

Enquanto ouve a explicação de Doflamingo do jogo de sobrevivência que ele criou, Fujitora usou seu poder de Akuma para imobilizar fuzileiros que estavam sob o controle de Doflamingo, impedindo-os de atacar civis. Mais tarde, ele ordenou Bastille para não capturar Doflamingo e dizer a todos os esquadrões para se concentrar em parar os civis de ferir uns aos outros. Ele esclareceu que os chapéus de palha e Law são os seus principais objetivos.

Mais tarde, o vice-almirante Maynard deixou a Coliseu Corrida e relatou para Fujitora sobre a conexão de Doflamingo com o submundo. Maynard explicou que seria o melhor momento para prender Doflamingo, mas Fujitora respondeu que não é o papel do Governo Mundial de brincar de Deus, na esteira dos gritos cheios de ira dos cidadãos e encarregou o vice-almirante para continuar seguindo suas ordens.

Fujitora mais tarde confrontou Luffy, Zoro, e Law. Enquanto Fujitora entrou em confronto com Zoro novamente, Pica entrou na briga como uma enorme pedra gigante.

Quando Luffy irritou Pic por rir de sua voz, a Marinha disse para Fujitora fugir antes que Pica lancasse seu ataque.

Fujitora e os fuzileiros navais ficaram mais tarde estacionados na base de Plateau do Novo Rei, aparentemente para impedir os chapéus de palha de alcançar Doflamingo. No entanto, enquanto Luffy e seus aliados estavam indo até o novo Plateau do Rei, Sabo foi visto prevenir os fuzileiros navais de ir atrás deles. Fujitora perguntou a Sabo se que era seu dever como um revolucionário. Sabo respondeu que ele estava fazendo seu dever como um irmão.

Sabo vs. Fujitora.png

Fujitora e Sabo confrontam-se

Então Sabo derrotou vários Fuzileiros Navais incluindo Bastille, Fujitora puxou alguns meteoros. No entanto, os meteoros foram cortados em pedaços menores pela gaiola de pássaro e caíram sobre a cidade. Fujitora preocupado com os danos que ele causou e ele lamentou seu erro. Depois de descobrir sobre a relação de Sabo com Luffy e Ace, ele colidiu contra o revolucionário.


Enquanto a batalha se alastrou, Sabo perguntou a Fujitora por que ele estava agindo indiferente. Fujitora admitiu seu blefe, brincando, perguntou a Sabo para mostrar misericórdia para com ele devido a sua cegueira. Sabo, então, disse ao almirante que ele não discrimina ninguém. Fujitora observou que não era toda a conversa depois de tudo, mas afirmou que ele também tinha um título e uma reputação a manter e usou Ferocious Tiger para fazer gravidade ir horizontalmente com uma enorme pressão, destruindo vários edifícios no processo quando a pura força fez Sabo estourar em chamas enquanto ele correu para a frente, chocando-se com Fujitora mais uma vez, causando Sabo para refletir apenas o que o almirante estava tramando. Fujitora, então, disse ao jovem revolucionário que ele estava disposto a apostar sua vida na sua luta.

Fujitora em última instância decidiu terminar sua batalha depois de revelar seus pontos de vista sobre a forma que era impossível, mesmo para os Fuzileiros Navais para se tornar heróis. Quando Sabo perguntou-lhe sobre o que aconteceria se alguém descobrisse como ele se sente, Fujitora deu uma aposta e desejou boa sorte a Sabo. O almirante depois foi para o planalto do Velho Rei onde Riku Dold III, Viola, Usopp, Kine'mon, e Kanjuro estavam presentes. Ele falou com Riku, dizendo que ele decidiu fazer a mesma aposta que ele, colocando sua fé em Luffy.

Mais tarde, ele deixou o Plateau do Velho Rei e ordenou às suas tropas para reunir os cidadãos em um lugar onde eles podem protegê-los.

Quando Zoro derrotou Pica e destruiu a estátua de Pica, Issho protegeu os cidadãos da cidade, mantendo os escombros flutuando tempo suficiente para as pessoas poderem evacuar. Durante a fase final do jogo de Doflamingo, Issho notou algo no céu, enquanto os cidadãos fugiram da Birdcage encolhendo.

Mais tarde ele foi visto ajudando Zoro, Kin'emon, e Kanjuro retardar a Birdcage. Uma vez que Luffy finalmente tinha derrotado Doflamingo, Issho menteve-se em silêncio quando a Birdcage entrou em colapso e as pessoas celebraram a queda de Doflamingo.

Fujitora Kneels Before Riku.png

Fujitora e os fuzileiros navais ajoelham-se e pedem desculpa.

Durante o rescaldo, os fuzileiros navais detiveram os Piratas Donquixote. Issho aproximou-se de Riku e ajoelhou-se diante dele, dando-lhe um pedido de desculpas sincero por todos os danos que o Shichibukai causou e a irresponsabilidade do Governo Mundial.

Dold pediu a Issho para levantar a cabeça, mas o almirante não importava-se o mundo inteiro o visse ajoelhado, dizendo que é mais importante para que o mundo saiba a verdade. Issho afirmou ainda que, após permitir que Doflamingo para fazer o que quisesse, ele não tinha o direito de pregar a justiça.

Sakazuki mais tarde contactou Issho e repreendeu-o por permitir que a verdadeira notícia sobre Dressrosa a se espalhar por todo o mundo sem o consentimento de seus superiores. Ele disse com raiva a Issho que ele deveria saber o que isso significava para ele admitir a culpa, e que ele deveria ter relatado isso antes de agir. Issho respondeu se ele tivesse feito isso, o incidente poderia ter sido coberto. Issho afirmou que ele não quer ser transformado em um herói por algo que ele não fez, e que o Governo Mundial iria precisar para assumir a responsabilidade por suas ações. Sakazuki gritou que era uma questão de credibilidade e confiança, mas Issho respondeu que, se a sua credibilidade foi tão facilmente danificada, eles nunca tiveram qualquer uma em primeiro lugar. Sakazuki então ordenou Issho para fazer as pazes antes de retornar para a sede, trazendo de volta as cabeças de Luffy e Law, e prometeu-lhe que até que ele fizesse isso, as portas para todas as bases da Marinha permaneceriam fechadas para ele. Issho aparentou tomar a decisão de seu superior com tranquilidade.

Mais tarde naquela noite, Issho rolou um dado e ele mostrou um. Issho então decidiu não capturar Luffy e Law para o momento. Maynard teve objecções a esta decisão, mas Issho apenas lhe disse para não se queixar.

Três dias depois da queda de Doflamingo, Issho reuniu-se com Tsuru e Sengoku. Tsuru perguntou a Issho por que ele não capturou Luffy e Law. Issho explicou que ele baseou sua decisão sobre o rolo de um dado e que Luffy e Law tem tido sorte por dois dias seguidos. Ele então deu seus dados para Tsuru e declarou que, se os dados fossem lançados em qualquer número diferente de um, ele irá atrás dos piratas. Os dados foram lançados e os resultados foram em um seis e Issho então, mobilizou os Fuzileiros para perseguir Luffy e seus aliados. Issho afirmou que ele irá testar a sorte de Luffy si mesmo.

Issho então se dirigiu para o porto oriental, a localização do ponto de fuga dos Chapéus de Palha.

Luffy Punches Fujitora.png

Luffy socando Fujitora.

Quando os aliados de Luffy prepararam-se para defender sua terra contra o almirante, Issho usou sua habilidade de gravidade e preparou para atacá-los todos, levantando todos os escombros de Dressrosa e abrindo caminho para um campo de batalha. Luffy chegou e atingiu-o com um ataque de Gear Thrid imuído de Haki. Embora ele sabia que não poderia derrotá-lo como um inimigo normal, Luffy declarou que ele se cansou de correr de Almirantes depois de tudo que tinha acontecido no passado, decidiu que iria derrotar qualquer pessoa independentemente da sua notoriedade, mesmo que fosse um Yonko, se fosse necessário que para que ele pudesse se tornar o Rei dos Piratas.

Quando eles entraram em confronto, Luffy anunciou cada um de seus ataques e onde ele estava mirando antes de golpear. Issho perguntou a Luffy se estava tendo piedade dele devido a sua cegueira. Luffy declarou que ele não atacaria sem dizer nada, dado que o seu adversário era cego. Um pouco irritado, Issho jogou Luffy para longe com a sua habilidade de gravidade. Luffy foi salvo por seus alidados e fugiram através de uma ponte que conduz a um navio gigantesco a distância. Issho continuou a levitar todo o entulho e preparou para afundar todos os navios piratas nas imediações, revelando que sua cegueira era o seu próprio fazer depois de ver muitas coisas terríveis e se recusar a testemunhar mais. No entanto, os cidadãos de Dressrosa chegaram a "perseguição" Luffy. Mesmo que ele estava ciente das suas verdadeiras intenções, Issho não correria o risco de prejudicar os cidadãos. Surpreendeu-lhe que nenhum dos cidadãos tinham qualquer raiva em suas vozes e estavam agindo de uma forma genuinamente compassiva. Pela primeira vez, ele começou a se arrepender de colocar para fora sua visão, porque ele não era capaz de ver o rosto de Luffy com seus próprios olhos, sentindo que era uma boa pessoa.

Quando piratas aliados de Doflamingo chegaram e começou a atacar Luffy e seus aliados, Issho deixou cair os escombros sobre os inimigos como um presente de despedida. Em seguida, ele agradeceu a Luffy por tudo que ele tinha feito. Sengoku apareceu atrás dele, dizendo que ele tinha ouvido tudo.

Depois de deixar Dressrosa, Issho participou na escolta de Doflamingo. Sengoku pediu a Issho pedir desculpas a Sakazuki, mas Issho recusou, dizendo que ele ainda tem o seu orgulho.

Diferenças entre Anime e Mangá

  • No anime, antes de ir para o restaurante, ele teve uma breve conversa com Zoro. Zoro parecia intimidado por ele e estava prestes a empunhar sua espada, mas se acalmou depois que Fujitora passou por ele.
  • No anime, Fujitora ganha 15 vezes no jogo da roleta antes de, eventualmente, perder para os capangas de Doflamingo. No mangá, ele só é mostrado uma vez.
  • No anime, Fujitora cortou os capangas de Doflamingo com sua espada antes de criar o furo. Ele cortou todos eles, no entanto, parecia não ter efeito, mas depois que ele guardou a espada a espada, a gravidade começou a surtir efeito. No mangá, Fujitora não reduzi-las drasticamente com sua espada, mas apenas embainhou a espada para fazer o buraco.
  • No anime, depois de deixar a Corrida Coliseu, Fujitora usa sua habilidade Akuma para recuperar um balão perdido por uma jovem.

Maiores Batalhas

Batalhas Non-Canon

Curiosidades

  • A sua aparência é baseado em Shintaro Katsu, mais especificamente o seu papel como Zatoichi, o espadachim cego. As semelhanças são as seguintes :
    • Eles carregam uma shikomizue (cana-de-espada), tanto para caminhada e batalha.
    • Ambos têm um amor pelo o jogo (embora Zatoichi é capaz de reconhecer se ele está ou não sendo enganado).
    • Eles usam um estilo semelhante para empunhar a espada e usar iai semelhantes (Quick Draw) técnicas.
  • Fujitora e de Ryokugyu aliases animais (Tigre e Bull, respectivamente) são a representação do trimestre nordeste, onde o ogro que Momotarō deve matar vidas.
  • Em um SBS, um leitor perguntou por que Fujitora não foi nomeado apenas "Tigre Roxo" (紫 虎, Murasakitora), Com uma cor simples como os outros almirantes. Oda respondeu que ele não gostava da sensação ou pronúncia de Murasaki tora ou Shi tora (ambos significam roxo), e decidiu pôr, em Fujitora porque soava mais frio.
  • Na quinta enquete de popularidade, Fujitora ficou na posição #36, tornando-se o mais popular (atual) Almirante da Marinha seguinte após seu antecessor Kuzan.
  • No anime, um erro de animação comum é para as cicatrizes mais de um ou de ambas pálpebras de Issho a ser desenhada muito longo ou muito curto de tempo em tempo.

Site de Navegação

 

Comece uma Discussão Discussões sobre Issho

  • Marinha Vs Marinha

    3 mensagem
    • *Akainu *Kizaru *Fujitora *Kizaru *Sengoku *Sengoku
    • Akainu (com muita dificuldade) Fujitora Fujitora Aokiji Akainu Sengoku Sengoku
  • Almirantes Vs 5 Kage's (Crossover: OP Vs Naruto)

    29 mensagem
    • Kages, o Ay tem uma resistencia monstruosa, lutou por 3 dias seguidos antes de morrer de colapso, o Mizukage tem Genjutsu poderosissimos, q ape...
    • No caso do Minato, ele não morreu lutando contra o Kurama, e sim protengendo o Naruto, e havia vários outros fatores que causaram a morte...

Ao redor da rede Wikia

Wikia aleatória